Dados do Setor

A Força do Setor
Título: A Força do Setor

BIOTECNOLOGIA MINAS E RMBH
O estado de Minas Gerais é a terceira economia mais importante do país. Dona de um parque industrial diversificado, a economia mineira vem se destacando no país apresentando números de crescimento acima da média nacional.
Investimentos públicos no parque produtivo e de desenvolvimento tecnológico levaram o Estado de Minas Gerais a se tornar um dos mais inovadores na América Latina. Dentro do plano de desenvolvimento estratégico do Estado, o setor de Biotecnologia e Ciências da Vida é um dos prioritários.
A cidade de Belo Horizonte e o Governo de Minas vêm priorizando a Biotecnologia como um dos principais eixos de trabalho e investimento, o que propiciou um forte crescimento do setor. Hoje, Minas Gerais se destaca no cenário nacional, tendo três importantes polos de destaque: o de Viçosa, o do Triângulo Mineiro e o da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).



São mais de 200 empresas de biotecnologia, sendo que aproximadamente 100 estão localizadas na cadeia produtiva da Região Metropolitana de Belo Horizonte. As empresas atuam na área de saúde humana, saúde animal, meio ambiente e agronegócios. Dentre os principais produtos e serviços destacam-se os de diagnósticos moleculares, kits diagnósticos e reagentes para análises clínicas, biomateriais, produção de anticorpos sintéticos, otimização de processos e equipamentos de automação, equipamentos e dispositivos médico-hospitalares.

ÁREA DE NEGÓCIOS

Insumos Biotecnológicos

  • Kits diagnóstico / Reagentes para análises clínicas
  • Microorganismos
  • Enzimas/ Proteínas/ Peptídeos
  • Anticorpos sintéticos

Produtos Biotecnológicos

  • Medicamentos farmacêuticos / Biofármacos
  • Vacinas / Hormônios
  • Biomateriais/ Biopolímeros
  • Biocombustíveis / Biomassa
  • Organismos Geneticamente Modificados
  • Alimentos / Vitaminas / Produtos nutricionais

Prestação de Serviços Biotecnológicos

  • Diagnóstico molecular Genômico / Metabolômico / Proteômico
  • Diagnóstico genético
  • Laboratórios de análises clínicas
  • Reprodução humana/ Reprodução animal
  • Controle biológico de pragas
  • Clonagem vegetal
  • Cultivos transgênicos
  • Empresas CRO / CMO
  • Testes e análises genéticas
  • Testes e análises microbiológicas
  • Testes e análises físico químicas
  • Bioinformática
  • Nanotecnologia

Equipamentos Médicos e Hospitalares

  • Equipamentos / Materiais para laboratório
  • Aparelhos para cirurgia a laser
  • Aparelhos para eletrodiagnóstico
  • Aparelhos respiratórios
  • Endoscópios
  • Sistemas de Monitoramento / Telemedicina
  • Implantes e próteses Auditivo/ Oftalmológico/ Ortopédico
  • Produtos e aparelhos odontológicos
  • Artigos de Raio-X
  • Equipamentos veterinários
  • Mobiliário hospitalar e clínico

Prestadores de Serviço

  • TI setor saúde
  • Consultoria em gestão organizacional e gestão de projetos
  • Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia

 

SOBRE O CLUSTER
Importância de um setor unido e bem representado

O termo Arranjo Produtivo Local (APL), também conhecido como “cluster”, é denominado pelas aglomerações de empresas atuantes em determinado setor e localizadas em um mesmo território.
O cluster de Biotecnologia é reconhecido nacional e internacionalmente pela grande quantidade de empresas conglomeradas nas diversas regiões de Minas Gerais – desde produtoras de bens e serviços finais até fornecedoras de insumos, fabricantes de equipamentos, prestadoras de consultoria e serviços biotecnológicos.
É a partir desse conceito que surge o selo MINASBIOTEC, para criar identidade entre as empresas. Fazer parte do MINASBIOTEC representa pertencer a um setor organizado e unificado, assumindo responsabilidades e compromissos, mantendo vínculos de articulação, interação, cooperação e aprendizagem entre si e com outros atores locais, tais
como: governo, associações empresariais, instituições de crédito, ensino e pesquisa. cessos e equipamentos de automação, equipamentos e dispositivos médico-hospitalares.

Nos últimos anos, o Governo de Minas junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), ANBIOTEC, FIEMG e SEBRAE, realizaram o Programa de Apoio a Competitividade de Arranjos Produtivos Locais, que, ao beneficiar diretamente o parque de biotecnologia e ciências da vida, contribuiu para a inovação e desenvolvimento das empresas locais.
O setor é fortemente apoiado pelo Governo de Minas, através da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (SECTES),
Fundação de Amparo à Pesquisa (FAPEMIG) e Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE).
Conta também com o apoio da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) e do Serviço de Apoio às
Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE).
A governança do cluster de Biotecnologia do Estado de Minas Gerais tem a liderança do setor privado através da Associação
Mineira de Empresas de Biotecnologia e Ciênciasda Vida – ANBIOTEC, reconhecida pelos parceiros locais como Entidade de Governança Local (EGL).

A ANBIOTEC
A Associação Mineira de Empresas de Biotecnologia e Ciências da Vida - ANBIOTEC fundada em 26 de julho de 2010 é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída sob a forma de associação, com sede e foro no Parque Tecnológico de Belo Horizonte (BHTEC), localizado no município de Belo Horizonte, Estado de Minas Gerais.
A ANBIOTEC presta serviços e realiza diversas ações aos seus associados por meio de convênios e parcerias estabelecidas com entidades públicas e privadas como SECTES, SEDE, FIEMG, SEBRAE, FAPEMIG, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior - MDIC, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial – ABDI, Agência Brasileira de Promoção à Exportação – APEX. Realiza ainda parcerias com entidades internacionais, visando apoiar seus associados no acesso aos mercados e comercialização de produtos e serviços inovadores.

Serviços oferecidos aos associados

  • Representatividade do setor em fóruns e comitês governamentais;
  • Representatividade junto a órgãos regulatórios como VISA-MG e ANVISA;
  • Encontros e rodadas de negócios;
  • Informações estratégicas do setor;
  • Consultorias e cursos de capacitação em gestão empresarial;
  • Apoio para participação em feiras e congressos nacionais e internacionais;
  • Ações coletivas de comunicação e marketing;
  • Ações de apoio à certificação de produtos e processos;
  • Participação em projetos setoriais do Governo de Minas e parceiras com entidades do governo municipal, federal e estadual.